sábado, junho 22, 2024

InícioNotíciasViolência contra policiais militares no Pará: cabo é morto a tiros

Violência contra policiais militares no Pará: cabo é morto a tiros

- Anúncio -

Um policial militar foi assassinado a tiros na noite de terça-feira (13) quando estava em um bar e distribuidora de bebidas

Vítima estava de folga e foi abordada por dois homens em uma moto. Ninguém foi preso.

Um policial militar foi assassinado a tiros na noite de terça-feira (13) em Dom Eliseu, no nordeste do Pará. Segundo a Polícia Civil, a vítima estava de folga e foi abordada por dois homens em uma moto, que dispararam várias vezes contra ele.

O policial foi identificado como cabo Paulo Sérgio Gomes da Silva, de 36 anos. Ele era lotado no 23º Batalhão da Polícia Militar e trabalhava há 15 anos na corporação. Ele era conhecido na cidade como “Paulo Doido” e deixou esposa e dois filhos.

De acordo com relatos de testemunhas, o militar consumia bebidas alcoólicas em um bar e distribuidores de bebidas no bairro da Liberdade quando foi surpreendido pelos disparos de um homem que chegou ao local pilotando uma motocicleta Bros branca.

Paulo Sérgio Gomes da Silva era muito conhecido em Dom Eliseu e sua morte consternou amigos e familiares. O assassino que fez os cinco disparos que mataram o policial foi identificado por testemunhas ao verem fotos do suspeito e por ter um veículo semelhante ao que chegou no bar onde o militar foi morto.

O nome do suspeito já está em poder da Polícia Civil que faz um “link” entre um assassinato na cidade de Tailândia e outro em janeiro deste ano que se vinculava a participação da vítima que teria sido assassinado por vingança.

A Polícia Civil informou que instaurou um inquérito para investigar o caso e que está ouvindo testemunhas e analisando imagens de câmeras de segurança da região. A motivação do crime ainda é desconhecida.

A Polícia Militar lamentou a morte do cabo e disse que está prestando apoio à família da vítima. Em nota, a PM afirmou que “repudia veementemente esse tipo de violência e espera que as autoridades competentes elucidem o caso e prendam os responsáveis o mais rápido possível”.

Este é o único caso de assassinato de policial militar no Pará em 2024. Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), em 2023, 19 policiais militares foram mortos no estado, sendo 11 em serviço e oito de folga. Em 2022, foram 21 mortes, sendo 12 em serviço e nove de folga.

A violência contra policiais militares no Pará é um problema que preocupa as autoridades e a sociedade. Além de representar uma grave violação dos direitos humanos, ela também afeta a segurança pública e a ordem social. Por isso, é necessário que sejam tomadas medidas efetivas para prevenir, investigar e punir esses crimes, bem como para proteger e apoiar as vítimas e seus familiares.

Via: Diário do Pará

Siga-nos nas nossas Redes Sociais: Facebook: @gncomunicacaoenoticias ; Instagram: @gncomunicacao/TikTok @gncomunicacaoenoticias  ;  Threads – https://www.threads.net/@gn_comunicacao Se inscreva no canal GN TV Online no YouTube –  Clique aqui e ative o sininho em TODAS . Entre em nosso grupo do WhatsApp  Clique aqui

GN Comunicação e Notícias
GN Comunicação e Notíciashttps://gncomunicacaoenoticias.com.br
Conte com nossa equipe de redação para divulgar notícias da região.
OUTRAS NOTÍCIAS
- Anúncio -

- Anúncio -

- Anúncio -

- Anúncio -

- Anúncio -

Mais notícias

Recent Comments