sábado, julho 20, 2024

InícioEventosValorização do leite - Resultado da audiência pública promovida por produtores de...

Valorização do leite – Resultado da audiência pública promovida por produtores de leite de Vila Rica. Veja entrevista

- Anúncio -

A situação do valor pago pelo litro de leite, assim como a inconstância na data do pagamento pelas empresas captadoras do produto é um problema que se alastra há anos e não somente no município de Vila Rica.

Nos últimos dias tem acontecido um levante em várias cidades da região do Araguaia no sentido de abrir a discussão para a essa problemática.

Em Vila Rica, produtores de leite, revoltados com essa situação, e aproveitando o debate que estava acontecendo nas demais cidades e movimentando as redes sociais na discussão do problema, reuniram-se, organizaram-se e criaram uma Comissão Organizadora dos Produtores de Leite de Vila Rica.

Através dessa comissão, organizaram uma audiência pública, a qual aconteceu na manhã da última quarta-feira, 09, no plenário da Câmara Municipal de Vila Rica, onde estiveram presentes cerca de 200 pessoas entre elas autoridades, sociedade civil organizada, a classe de produtores e também a sociedade como um todo  e em diálogo, discutiram formas de melhorar o valor pago pelo leite, assim como, melhorar as formas de pagamento pelo produto.

Um fato histórico para a região do Araguaia, uma vez que a organização foi pela classe. 

Os organizadores do movimento em Vila Rica foram os produtores Maurício Sampaio, Moacir Cirino e Divino “Bolinha” os quais organizaram a classe em grupos de redes sociais para mobilizarem o grupo e a sociedade envolvida.

Concomitantemente a audiência, foram distribuídos cerca de 5 mil litros de leite a comunidade, doados pelos produtores do município.

O objetivo da audiência teve pauta o estabelecimento do pagamento de um valor mínimo a ser pago a todos os produtores, na porcentagem de 95,2% com valor já estabelecido pela CEPEA, Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada assim como, de uma data já determinada para que seja realizado o pagamento.

Na cerimônia da audiência a mesa foi composta da seguinte maneira: o presidente da Câmara, Soadelar Pizzatto; o prefeito Abmael Borges; o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Vila Rica, Adão dos Santos; o secretário de Agricultura e também representando o Conselho de  Desenvolvimento Rural Sustentável, Rafael Galo; Anísio Junqueira Neto, “Netão”, presidente do Sindicato Rural; Alisson Rúbio, representando a EMPAER; José Edimar,  representando o legislativo de Santa Cruz do Xingu e Santana Rodrigues, Secretária de Agricultura de Santa Cruz do Xingu; Antônio Xavier Filho, representando a 27ª Subseção da OAB de Vila Rica; Geraldo Leite, Secretário de Agriculta de Santa Terezinha; Raviano Coelho, Secretário de Agricultura de São José do Xingu e representando os produtores de leite de Vila Rica, Mauricio Sampaio.

Entre todas as falas se destacou a importância do diálogo entre os produtores e as empresas na busca da valorização do produto comercializado; a grande contribuição da agricultura familiar para a sociedade; a importância do movimento e a necessidade da valorização do leite para o município que influencia fortemente na maior movimentação da economia local.

Abmael Borges, prefeito de Vila Rica, disponibilizou as secretarias municipais para auxiliar no crescimento do pequeno produtor, apontando a importância da economia familiar para o município e, por fim, declarou ser o diálogo a melhor forma de resolução de conflitos.

Alisson Rúbio, representante da Empaer Vila Rica demonstrou apoio ao movimento e salientou a disponibilidade do órgão a auxiliar todos os produtores a obter êxito nos projetos almejados.

Maurício Sampaio, um dos organizadores do movimento, ressaltou as dificuldades enfrentada atualmente pelos produtores de leite locais, e a importância destes para a economia local. Posicionou-se contra a paralisação dos produtores, usando desta, como último recurso.

Salientou que, inicialmente será realizado uma abordagem amigável, baseada no diálogo com os empresários locais, apresentando a proposta de melhoria e valorização do produto.

Além disso, apontou os objetivos da Comissão, que são a valorização do litro de leite para a importância de R$ 2,00 (dois reais), sendo estabelecido como valor mínimo para as empresas, a porcentagem de 95,2% do valor estabelecido pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada – CEPEA e previsibilidade da data do pagamento, para o prazo de 15 dias após a coleta mensal.

Ainda no decorrer da audiência, foi apresentado diante dos presentes a Comissão da Associação, constituída por Mauricio Sampaio, Vitor Leandro Oliveira Lima, Divino Bolinha, Moacir Cirino, Pedro Mota, Paulino Félix, Edvan Teles de Faria, Rafael Santos Dias, Silvio Rodrigues e Maria Jose Paulo Santos. Após a apresentação foi solicitado aos produtores presentes que votassem, concordando ou não com as pessoas indicadas e por meio de votos, a Comissão foi aprovada de forma unânime.

A proposta discutida previamente pela comissão foi apresentada para aprovação do plenário a qual foi aprovada: R$ 2,00 (dois reais), sendo estabelecido como valor mínimo para as empresas, a porcentagem de 95,2% do valor estabelecido pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada – CEPEA e previsibilidade da data do pagamento, para o prazo de 15 dias após a coleta mensal.

Para acompanhar na íntegra a audiência, acesse Audiência Pública dos Produtores de Leite de Vila Rica-MT

Através da parceria da GN Comunicação e Notícias com o repórter Ilário Tavares da TV SBT de Confresa, os produtores Maurício Sampaio e Moacir Cirino foram entrevistados no programa Primeiro Impacto na quinta-feira, 10.

Rafael Gallo – Secretário de Agricultura e Meio Ambiente de Vila Rica-MT
GN Comunicação e Notícias
GN Comunicação e Notíciashttps://gncomunicacaoenoticias.com.br
Conte com nossa equipe de redação para divulgar notícias da região.
OUTRAS NOTÍCIAS
- Anúncio -

- Anúncio -

- Anúncio -

- Anúncio -

- Anúncio -

Mais notícias

Recent Comments