quinta-feira, julho 18, 2024

InícioNotíciasGovernador garante que não haverá mais nenhuma restrição em relação a pandemia...

Governador garante que não haverá mais nenhuma restrição em relação a pandemia em MT. “Após vacinação, covid vira uma gripe” – afirma ele; veja vídeo

- Anúncio -

Mauro garantiu que, em seu governo, não serão decretadas novas restrições.

O governador Mauro Mendes (DEM) foi enfático ao dizer que, em seu governo, não haverá mais nenhuma restrição em relação à pandemia da covid-19. Segundo ele, está comprovado que, após a vacinação, “a covid vira uma gripe”.

“Eu já me posicionei sobre isso. O Governo não vai fazer mais nenhum tipo de restrição. Essa pandemia, já está comprovado que, para quem vacinou, ela virou, sim, uma gripe”, disse, em entrevista nesta sexta-feira (28).

Nas últimas semanas, os novos casos de infecção explodiram, marcando recordes desde o início da pandemia. Apenas na quinta-feira desta semana, dia 27, foram 6.170 novos casos e 20 mortes.

Ainda assim, de acordo com o governador, as pessoas precisam se adaptar, viver apenas seguindo as medidas de prevenção.

“As pessoas sempre morreram por alguma infecção pulmonar, alguma coisa, então não dá mais pra ficar com essa história de paralisação, fecha isso, fecha aquilo, nós temos que nos adaptar, viver, conviver, tomar as medidas de precaução que existem e continuar tocando nossas vidas”, afirmou.

Vários municípios, diante do aumento de casos, têm estabelecido novas regras, como limitação de público no comércio, uso obrigatório de máscaras também em locais abertos, proibição de eventos públicos e shows, por exemplo.

O próprio Governo do Estado trabalha na abertura de novos leitos de UTI e adotou revezamento de servidores, mas não cogita decretar restrições ao comércio e outros setores.

“Essa é minha opinião e meu governo não vai mais determinar restrições”, enfatizou Mauro.

GN Comunicação e Notícias
GN Comunicação e Notíciashttps://gncomunicacaoenoticias.com.br
Conte com nossa equipe de redação para divulgar notícias da região.
OUTRAS NOTÍCIAS
- Anúncio -

- Anúncio -

- Anúncio -

- Anúncio -

- Anúncio -

Mais notícias

Recent Comments