Ongs arrecadam mais de R$ 100 mil para famílias na fila do osso

Serão doadas 600 cestas básicas e 1.200 frangos; valor superou meta estipulada, que era de R$ 83 mil

Anúncio

Uma vaquinha realizada por ongs de Várzea Grande e São Paulo conseguiu arrecadar mais de R$ 100 mil em doações para pessoas que aguardam na fila do osso, em Cuiabá. O dinheiro será usado para a compra de cestas básicas e frangos.

A campanha, lançada na última sexta-feira (30), tinha como objetivo arrecadar R$ 83 mil. Porém a resposta da população surpreendeu até mesmo os organizadores, que com apenas quatro dias de contagem já havia superado a meta.

Ariana Paim, uma das voluntárias da ong Ação Social Nova Aliança (Asna), que atua em Mato Grosso, explica que a própria organização de São Paulo entrou em contato com ela.

Meu coração se enche de alegria em ver o quanto as pessoas querem ajudar, mas não sabem como. E quando vimos sentimos muita gratidão por existir pessoas tão boas, que acreditam nas ONGs e nos trabalhos voluntários.

O interesse da organização Razões para Acreditar, de São Paulo, surgiu após a grande repercussão das reportagens que mostraram a situação de famílias cuiabanas, que buscavam no açougue Atacadão da Carne as doações de ossinhos. Veja a campanha Famílias fazem fila para pegar ossos doados em açougue de Cuiabá. Saiba como ajudar com a nossa vaquinha!

Com mais de 3 milhões de seguidores e já com um histórico de arrecadação de doações para diversas causas, Ariana conta que a ong de São Paulo procurava um braço direito em Cuiabá para conseguir fazer a ação social que beneficiaria as famílias da região.

Antes de iniciar a “vaquinha”, os voluntários da Asna fizeram todo o levantamento para identificar quantas pessoas precisavam receber as doações e quais eram as maiores necessidades.

Em seguida, eles voltaram a entrar em contato com a equipe de São Paulo para repassar o levantamento e já iniciar a divulgação da campanha de arrecadação.

Sucesso de colaboração

Até esta terça-feira (3) cerca de 2.400 pessoas já fizeram suas doações para ajudar as famílias na fila do ossinho. Com as contribuições, a “vaquinha” conseguiu arrecadar R$ 102.411 e ainda restam 23 dias de campanha.

Ou seja, o dinheiro revertido para as famílias ainda pode aumentar. Com as arrecadações, as ongs planejam distribuir 600 cestas básicas e 1.200 frangos.

“Incrível” foi a palavra usada por Ariana para descrever a sensação de ver tantas pessoas dispostas a ajudar o próximo.

A voluntária, que atua como orientadora jurídica da Asna, afirma que o maior feito desta ação não é nenhuma divulgação de mídia, mas sim poder ajudar quem precisa, nem que seja para levar um pouco de esperança a eles.

Agora Ariana afirma que as equipes devem aguardar a conclusão da campanha de arrecadação para marcar a data de entrega dos materiais. Ela conta ainda que os frangos doados serão comprados do próprio açougue que já faz as doações de ossinhos às famílias.

Como forma de assegurar a credibilidade das equipes voluntárias, Ariana também garante na transparência de como será usado o dinheiro arrecadado.

“Acreditamos que vamos conseguir ajudar essas famílias com suplementos, vitaminas e vamos ver outras necessidades que possamos atender”, finaliza.

Para doar

Aqueles que tiverem interesse em doar para ajudar na arrecadação para as famílias de Cuiabá podem acessar a vaquinha online.

Via: Mídia News